O Amanita Faloide, O Fungo Mais Mortífero

 amanita falo jovem

O amanita faloide, aqui é um cogumelo bem conhecido por sua toxicidade e não porque é um dos cogumelos comuns mais populares! Seu nome vem de sua semelhança com um falo quando ele é jovem, antes de seu desenvolvimento completo. Tenha cuidado porque o amanita phalloid (Amanita phalloides) da família Amanitaceae, também chamada orong verde, pepino verde ou cálice da morte, pode ser fatal.

Como reconhecer o amanita faloidal?

O amanita faloidal √© muito facilmente encontrado sob √°rvores frondosas (faia, carvalho, castanheiro, avel√£...), onde cresce em col√īnias, e √†s vezes sob con√≠feras (pinheiros, pinheiros mar√≠timos...). Voc√™ pode localiz√°-lo principalmente em setembro e outubro, sabendo que se desenvolve ao longo do per√≠odo de julho a novembro.

Ela √© intrigante em sua eleg√Ęncia, com seus 15 a 20 cm de altura, seu chap√©u verde oliva que pode disparar amarelo ou branco at√© 15 cm de di√Ęmetro, riscado como se tivesse sido rabiscado com linhas de l√°pis. papel, e seu p√© esbelto 2 a 3 cm de largura. O p√© √© pontilhado esverdeado ao n√≠vel do anel. No fundo, o volve branco tem a forma de um saco. Sob o chap√©u, as l√Ęminas brancas e livres est√£o alinhadas. A polpa branca n√£o emite um odor particular, exceto quando envelhece, exala um cheiro de rosa desbotada.

Acontece que o anel e o volve são comidos pelos gastrópodes o que dificulta seu reconhecimento com o desaparecimento destas duas características.

Que cogumelos podem parecer amanita faloidal?

9 envenenamentos fatais fora de 10 são devido a amanita phalloid, portanto é melhor evitar confundir isto com outros cogumelos comestíveis também que têm um chapéu esverdeado como por exemplo:

  • russula verde (Russula virescens) e russula de carv√£o (Russula cyanoxantha) que n√£o t√™m nem volve nem anel e s√£o inodoros, o que pode ser confuso com um amanita phalloid jovem que foi atacado por lesmas. A diferen√ßa restante est√° nas l√Ęminas que n√£o est√£o livres em russules.
  • o rosado dos prados (Agaricus campestris) que cresce em prados na borda da floresta, mas n√£o sob as √°rvores.
  • agaric da floresta (Agaricus silvaticus) que se distingue por suas l√Ęminas cinza-rosadas tornando-se marrom √† medida que envelhecem. Essa caracter√≠stica comum a todos Agaricus permite evitar confus√£o.

 amanita faloide

Outros amanitas mortais podem ser confundidos com amanitae phalloid: amanita de primavera (Amanita verna) e a amanita viril (Amanita virosa). O primeiro cresce apenas na primavera, e o segundo, mais raro, tem um pé delgado.

A confus√£o pode ser consequ√™ncias t√£o pesadas que a menor d√ļvida, pedir o conselho de um farmac√™utico micologista. Se outros fungos comest√≠veis estiveram em contato com o amanita phalloid, eles devem ser descartados e n√£o consumidos.

A toxicidade do amanita phalloid

A toxicidade do amanita phalloid concentra-se no f√≠gado para destru√≠-lo e nos rins: as primeiras desordens s√£o gastrintestinais, cl√°ssicas, ent√£o os efeitos de um rel√Ęmpago de hepatite e a insufici√™ncia renal manifestam-se com a viol√™ncia para voc√™ matar uma a duas semanas depois de comer os cogumelos.

Dependendo se a intervenção do alívio é rápida o suficiente, é possível escapar em alguns casos, muitas vezes com um transplante de fígado.

(foto 1: CC BY-SA 3.0)

Compartilhe Com Seus Amigos