Bolo De Carambar

Bolo de carambar

Fácil e gourmet, esta receita de bolo com Carambar será unânime em torno da mesa.

Ingredientes para 4 pessoas:

  • 3 ovos
  • 160 g de açúcar
  • 150 g de farinha
  • 1/3 de um pacote de fermento
  • 150 g de manteiga
  • 20 carambolas
  • 10 cl de leite

Bolo de carambar

Pare de fazer o bolo! Em vez de aterrissar na costa de Malabar, você pousou em Carambar!

- Pré-aqueça o forno a 180° C (th.6).

- Derreta os Carambares em uma panela com manteiga e leite.

Deixe esfriar.

- Em uma tigela, misture o açúcar, farinha, fermento e ovos.

Mexa gradualmente e misture o conteúdo da panela. A pasta obtida deve ser muito lisa. Despeje em um molde de bolo com manteiga e farinha. Asse e cozinhe por 40 a 50 minutos. Verifique o cozimento: plante a lâmina de uma faca, se ela sair limpa, o bolo está cozido.

- Desenforme, deixe esfriar um pouco em uma gradinha e corte. Hmmm!

Chef's B.A.ba sobre carambar cake

Esta receita pode ser acompanhada por um creme. Para fazer isso: despeje 50 cl de leite em uma panela, adicione uma vagem de baunilha ao meio longitudinalmente. Deixe ferver, retire do fogo e deixe infundir 30 minutos.

Reaqueça o leite até o ponto de ebulição. Remova o pod. Quebre e deite 150 g de gema (cerca de 5 ovos) numa tigela, adicione 80 g de açúcar refinado, misture. Mexa gradualmente e misture o leite quente de baunilha.

Despeje o todo na panela. Coloque em fogo baixo e cozinhe enquanto mistura até que o creme engrosse e reveste a espátula. O creme não deve ferver. Retire do fogo, filtre, deixe esfriar e coloque em um lugar fresco.

Lado da adega:

Um copo de leite!

Provavelmente é porque o Carambar é a "madeleine de Proust" de muitos de nós que as sugestões de sobremesas baseadas neste caramelo são cada vez mais frequentes. Aqui, o bolo, pela sua textura e densidade, traz suporte e comprimento aos aromas dos doces. Portanto, para evitar um certo peso no acordo e pommade o vinho escolhido, vamos buscar uma aliança com bebidas com um certo frescor. Assim, mesmo que se busque melhorar a doçura, preferir-se-á uma jovialidade tendo mantido certa vivacidade, como um Pinot Gris da Alsácia na colheita tardia, a um licoreux de Bordelais.

Obviamente, o tempero de um efervescente oferecerá um contraste e uma maior leveza ao todo. Se se tentar acentuar a oposição, um método Clairette of Die dioise desempenhará, com suas notas de muscatées, perfeitamente o papel, ao passo que um Vouvray, tendo passado alguns anos em sarrafo, irá, por seus aromas melados, no sentido do bolo.

M. Chassin

Receita: T. Debethune, foto: C. Herlédan

Vídeo: O bolo de caramelo (Carambar).

Compartilhe Com Seus Amigos