Meu Cachorro Me Mordeu: Como Reagir?

A mordida de um cachorro n√£o √© um ato in√≥cuo. Superficial ou violento, √© um sinal de que algo est√° errado. Seu c√£o pode n√£o ter outra maneira de expressar o que ele sente e sua agress√£o √© uma maneira de chamar sua aten√ß√£o. Para ajud√°-lo neste tipo de situa√ß√£o, apresentamos as raz√Ķes mais frequentes que podem levar um c√£o a morder e aconselhamos-lhe a rea√ß√£o a adoptar, para o seu bem-estar e o do seu animal de estima√ß√£o.

Meu cachorro me mordeu: como reagir?

Por que um cachorro pode morder?

Um c√£o pode ser empurrado para morder por muitas raz√Ķes, porque cada animal tem sua pr√≥pria sensibilidade e um car√°ter √ļnico que faz reagir a uma determinada situa√ß√£o de forma agressiva ou n√£o. Aqui est√° uma apresenta√ß√£o das causas mais comuns de mordida.

Medo

Um c√£o que √© surpreendido ou sente encurralado, preso, tender√° a morder para afastar o perigo que o assusta. √Č um sistema de defesa para o animal.

Esse tipo de mordida ocorre quando um cão adormecido é despertado, quando um ruído alto e repentino é ouvido perto dele, quando é colocado em um espaço pequeno, e assim por diante. Em resumo, em qualquer situação em que o cão se surpreenda quando não o espera.

Irritação ou dor

Um c√£o que sofre de dor ou irrita√ß√£o pode morder para se defender. De fato, se ele est√° ferido ou sofrendo, √†s vezes ele n√£o tem outro jeito de conseguir sua paz. Da mesma forma, se nosso contato desperta essa dor, ele instintivamente reage mordendo para par√°-lo ou estabelecer uma dist√Ęncia f√≠sica.

Esta situação geralmente ocorre no cão ferido que não é deixado sozinho, em um cão que é ferido por grooming, por exemplo, ou em um cão velho que tem osteoartrite e para o qual qualquer movimento é doloroso.

Relacionamentos dentro de casa

Para que seu cão se sinta confortável em sua casa, é imperativo que as regras sejam estabelecidas. O cão sendo sociável por natureza, ele precisa de uma organização social clara e fixa. Se a situação não parece clara para ele, se você lhe conceder benefícios, então você o remove, se você não o repreender assim que ele cometer um erro, ele perde sua orientação, ele se sente desestabilizado e inseguro. Ele pode então morder para esclarecer seu relacionamento e afirmar sua posição dentro da família.

Agressividade redirecionada

Seu cão pode se sentir assaltado, assustado ou inseguro por causa de uma situação, um animal ou um indivíduo que ele não consegue alcançar, e que ele vê, por exemplo, na rua pela janela. Neste caso, ele pode redirecionar sua raiva, seu medo ou sua frustração no primeiro ser ao seu alcance por mordê-lo.

Instinto predatório

O instinto de predação do cão é natural e ele pode acordar a qualquer momento, mesmo que o animal seja domesticado. O cão pode de fato ser tentado a atacar e morder pequenos animais ao seu alcance, mas também o homem. Assim, uma criança correndo pode empurrar um cachorro para reagir ao instinto, persegui-lo e mordê-lo.

A express√£o de um mal-estar

Um c√£o que vive em condi√ß√Ķes terr√≠veis, deixado para si mesmo, trancado, sem marcadores, sente um estresse constante. Nesse caso, ele pode se acostumar a morder para expressar seu desconforto, porque est√° convencido de que essa √© a √ļnica maneira de ser vis√≠vel e ouvido.

Meu cachorro me mordeu: como devo reagir à minha pessoa?

Qualquer que seja a gravidade, uma mordida é um forte gesto do cão, um sinal agressivo que não deve ser ignorado. Mas não reaja de qualquer maneira! Aqui estão as nossas dicas para adotar a atitude correta para você e seu amigo de quatro patas.

Cuidar de si mesmo

Trate sua ferida, mesmo que a mordida seja superficial. Limpe a ferida com água e sabão e remova a matéria estranha, se houver alguma. Desinfete adequadamente com uma solução anti-séptica para evitar o risco de infecção.

Se a ferida for profunda, envolva-a com um pano ou fita limpos e consulte o médico imediatamente ou vá para a sala de emergência. Se você for tocado no rosto, pescoço ou genitais, entre em contato com o departamento de emergência imediatamente.

Em qualquer caso, quando voc√™ for mordido, verifique se voc√™ est√° bem vacinado contra o t√©tano. Se n√£o, consulte o seu m√©dico dentro de 48 horas para receber imunoglobulina tet√Ęnica.

Meu cachorro me mordeu: como devo reagir a ele?

Se o seu cão ameaçar você, escute-o. Ele tenta expressar a você o que ele sente, seu medo, sua dor, seu estresse, seu mal-estar ou qualquer outro estado negativo. Ele não se torna subitamente malvado, ele tenta comunicar a você o que ele sente e ele precisa ser ouvido e respeitado.

Ent√£o, se ele amea√ßar voc√™, pare e volte devagar. Deixe-o em paz e tente entend√™-lo. Ele parece ferido? Ele estava com medo? Ele est√° experimentando uma situa√ß√£o estressante ou provocadora de ansiedade? Evite a raiva para evitar a mordida e fa√ßa o mesmo com seus filhos, mantendo-os √† dist√Ęncia. N√£o o incomode quando ele dorme ou quando ele come. Deixe-o em paz quando ele est√° em sua cesta, correndo o risco de invadir seu espa√ßo e estress√°-lo.

Se o acidente acontecer e seu cão morder você, isso deve ser feito da maneira correta.

Tente entender o seu c√£o, mostrando-lhe a sua escuta

De um modo geral, um c√£o morde quando est√° com medo, quando est√° com dor, quando se sente em perigo ou quando se sente estressado e encurralado, sem possibilidade de escapar. √Č, portanto, um comportamento normal, certamente agressivo, mas em resposta a uma dada situa√ß√£o e risco. No entanto, esse comportamento n√£o pode ser tolerado, e √© por isso que voc√™ precisa entender seu animal de estima√ß√£o e o que ele est√° tentando lhe dizer.

Procure o motivo de sua agressão. Ele experimentou trauma recentemente? Uma mudança de vida? Um movimento? A perda de um ente querido ou a chegada de um bebê ou um novo animal? Ele estava com medo? Ele foi confrontado com uma nova situação? Você gasta menos tempo do que antes? Ele está ferido? Parece responsivo quando você toca em um lugar específico? Pergunte a si mesmo todas as possíveis perguntas para identificar a origem de sua agressão.

Se voc√™ n√£o consegue entender a causa da sua rea√ß√£o, consulte o seu veterin√°rio. Como primeiro passo, o praticante ser√° capaz de se certificar de que seu animal n√£o est√° sofrendo de raiva; √Č um processo normal de seguran√ßa praticado neste tipo de situa√ß√£o. O veterin√°rio tamb√©m ir√° examinar o seu c√£o para poss√≠veis les√Ķes ou dor. √Äs vezes √© dif√≠cil identificar certos sofrimentos relacionados a uma doen√ßa, o que pode levar o praticante a realizar testes adicionais.

Se a situação voltar a ocorrer, consulte um especialista

Uma mordida √© um ato s√©rio. Se as situa√ß√Ķes de risco s√£o freq√ľentes, √© melhor buscar a ajuda de um behaviorista. Pode ajud√°-lo a restaurar a confian√ßa em sua casa e um relacionamento seguro e equilibrado entre seu c√£o e voc√™.

Seu cão não morde sem razão, ele tenta se expressar e reage ao seu mal-entendido; Por isso, é importante entender o porquê. A propósito, se o seu cão o mordeu uma vez, nada diz que vai começar de novo. Tudo depende do contexto e da origem de sua agressão.

Compartilhe Com Seus Amigos