Meu Cachorro Não Come Mais: Quais Podem Ser As Razões?

Um cão saudável geralmente tem um bom apetite. Então, o que fazer quando ele parece aborrecer o conteúdo de sua tigela? Devemos nos preocupar? Uma diminuição no apetite nem sempre é sinônimo de perigo, felizmente. No entanto, esse fato não deve ser ignorado, mas sim buscá-lo para agir de forma adequada, pois pode ser um sintoma. Aqui estão algumas dicas para entender melhor as razões que podem fazer com que seu cão não coma mais.

Meu cachorro não come mais: quais podem ser as razões?

Por que seu cão não come mais? As diferentes causas possíveis

Para manter sua saúde e equilíbrio, seu cão deve ser alimentado preferencialmente em um horário fixo. Sua porção diária deve idealmente ser dividida em duas refeições, que devem ser consumidas cada uma em uma média de 15 a 20 minutos. Se o seu cão não tiver terminado a refeição após esse horário, é melhor remover a tigela e reduzir as proporções nas próximas distribuições ou parar as guloseimas.

A perda de apetite em cães pode ter várias origens, mais ou menos importantes, duradouras e graves.

Uma ausência de fome

Se o seu cão se recusar a comer, ele pode simplesmente ser saciado. Isso é comum durante uma mudança de dieta, as qualidades nutricionais são variáveis ​​de um alimento para outro, ou em caso de distribuição freqüente de guloseimas ou restos de suas refeições fora de suas horas habituais de alimentação.

Além disso, seu cão pode estar com menos fome se a energia dele precisar diminuir. Por exemplo, se ele tende a ser mais atlético e sua atividade física é reduzida devido ao mau tempo, ou quando ele fica mais velho, ele gasta menos, então ele está com menos fome.. É normal e não é perturbador.

Da mesma forma, quando está muito quente, seu apetite tende a diminuir, como o nosso.

Uma dieta que não lhe agrada

Alguns cães são difíceis e não gostam de certos alimentos que não gostam. Isso pode acontecer quando você muda sua dieta de repente. Para remediar isso, tente fazer uma mudança sem problemas, misturando o antigo e o novo alimento até que ele abraça completamente o novo. Você também pode decorar sua tigela de comida que ele gosta, como arroz, molho de carne, etc.

Certifique-se também de que os croquetes não estão desatualizados ou que o saco não está velho. Isso pode ocorrer quando estiver aberto por muito tempo, já que o croquete tende a se deteriorar com o tempo.

Seu cachorro pode estar doente

Infelizmente, a perda de apetite em cães também pode ser sinônimo de doença e / ou dor. De fato, muitas patologias podem alterar a fome do seu animal.

  • A gastroenterite pode atrapalhar o apetite do seu cão, como acontece nos seres humanos.
  • A gengivite é uma irritação das gengivas. O desconforto e desconforto experimentados quando se come podem reduzir o apetite do seu cão. O mesmo vale para dentes quebrados ou abscessos dentários.
  • doenças irritantes do sistema digestivo, como faringite, laringite, esofagite ou gastrite, são problemáticas para o cão, que pode optar por não comer mais.
  • obstrução intestinal pode ter o efeito de cortar o desejo do seu animal de estimação para comer.
  • O hipotireoidismo também contribui para interromper o equilíbrio nutricional do cão, alternando as fases de bulimia e anorexia. Sua percepção do paladar também pode ser alterada e forçá-lo a recusar a ração.
  • estresse e depressão podem reduzir o desejo do seu cão de comer. Esses fatores podem estar relacionados a um evento traumático, como a perda de um ente querido ou a chegada de um novo morador, ou mesmo dor ou doença.
  • a febre pode alterar o seu apetite, o que pode estar ligado a muitos fatores (lesão, dor, doença, etc.).
  • a dor pode perturbar seu animal de estimação ao ponto de cortar seu apetite.
  • A presença de um tumor entre a boca e o estômago pode irritar o cão e cortar o apetite.
  • insuficiência renal ou cardíaca, por vezes, leva à perda de apetite.

Tomar certos medicamentos

Alguns medicamentos tendem a causar perda de apetite. Converse com seu veterinário, pois é melhor não deixar seu cão enfraquecer durante o tratamento.

Envenenamento ou envenenamento

Se o seu cão consumiu um produto perigoso ou uma substância envenenada, ele pode estar intoxicado e perder o apetite. Esta situação deve ser tratada com urgência para evitar um agravamento do seu estado de saúde.

Uma vacinação recente

Um cão vacinado pode perder o apetite por alguns dias, sem que isso seja perigoso.

Enjôo

Seu cão pode ter dificuldade em viajar e perder o apetite. Pode ser uma sensação de náusea em face do transporte, ou uma perturbação ou estresse causado pela mudança de ambiente.

O que fazer quando seu cão não come mais?

Se o seu cão não comer mais, é porque algo está acontecendo, sério ou benigno. No entanto, isso não é trivial, por isso deve ser dada atenção.

Dê uma olhada

É importante distinguir uma recusa em comer relacionada a uma doença ou um mal-estar, uma simples rejeição de croquetes porque eles não gostam disso! Neste último caso, seu animal de estimação continua pescando e continua a brincar e correr. Por outro lado, se a condição geral do seu cão parecer perturbada para você, examine a boca dele em busca de uma possível inflamação. Controle todo o seu corpo para ter certeza de que ele não está machucado e sinta o abdômen e a barriga dele para ver se ele está inchado ou constipado.

Observe-o, verifique o comportamento dele e a ingestão de comida. Observe isso em detalhes, pois essa informação pode ser útil se sua condição não melhorar.

Levá-lo ao veterinário

Se sua condição não melhorar, ou se você notar outros sintomas como inchaço no estômago, náusea, vômito, depressão, tremores, mudança de peso ou diarréia, consulte o veterinário imediatamente, porque sua condição provavelmente piorará e, se ele estiver muito fraco, será mais difícil para ele recuperar sua força.

Se ele parece ter dor externa, deve ser aliviado; Forçá-lo a comer será inútil. O veterinário fornecerá os cuidados necessários e seu apetite voltará por conta própria. Se a dor é interna ou relacionada a uma doença, ela é mais complicada e exames adicionais (exame de sangue, ultrassonografia, radiografia, fibroscopia, colonoscopia, etc.) podem ser necessários. No entanto, não espere e consulte o veterinário para diagnosticar a origem do problema e corrigi-lo o mais rápido possível.

Como restaurar o apetite do seu cão?

Estas dicas só devem ser aplicadas se o seu cão estiver com boa saúde, isto é, se o seu estado geral é bom, se apesar da sua recusa em comer, ele continua a brincar e correr, se o seu veterinário dispensou todos perigo e se você achar que é uma recusa passageira ou um capricho.

Se o seu cão tiver outros sintomas, fale com o seu veterinário e não tente forçar o seu animal a correr o risco de stress e agravamento.

Aqui estão as nossas dicas para comer seu cachorro:

  • modifique sua comida: seu cão pode ter se cansado de sua dieta ou ser perturbado em caso de mudança repentina. Escolha uma dieta que ele goste e adapte o conteúdo de sua tigela às suas necessidades, garantindo que seus cardápios estejam equilibrados.
  • verifique se sua comida não está desatualizada ou alterada: Uma vez que os pacotes de ração aberta, a comida tende a rançoso em contato com o oxigênio e os ácaros podem se misturar. Da mesma forma, o conteúdo das latas não dura muito tempo, mesmo na geladeira. Você pode não perceber, mas seu cão sente isso. Sua comida deve ser sempre fresca e apetitosa. Pense em pequenos formatos para evitar essa alteração.
  • verifique a temperatura: os cachorros são como nós, eles têm suas preferências. A comida fria nem sempre os agrada no inverno, assim como a comida quente no verão. Torná-lo!
  • Adapte sua dieta à sua idade: um cachorro mais velho pode ver seu olfato reduzido, que perturba seu apetite. Além disso, algumas formas de alimentos podem ser mais difíceis de engolir, como os croquetes, às vezes difíceis demais para os dentes sensíveis e frágeis. Privilege a comida de cachorro sênior.
  • cuide do seu animal de estimação: não o estresse, forçando-o a comer ou repreendê-lo. Pelo contrário, dê-lhe amor, acaricie-o e acompanhe-o ficando perto dele quando ele parecer hesitar.
  • melhore seu estilo de vida: Retire-o mais e de uma forma mais desportiva, para que possa ser gasto totalmente, não o dê para comer quando estiver à mesa, de modo a não perturbar a sua dieta equilibrada e evitar alimentos fora das refeições.

Vídeo: Os Motivos que Levam Seu Cão a Destruir o Tapete Higiênico ou o Jornal.

Compartilhe Com Seus Amigos