O Patou Ou Cão De Montanha Dos Pirinéus, Que Protege Os Lobos

O Patou, ou Cão de Montanha dos Pireneus, é um imponente e muito reconhecível cão montanhês com o seu espesso pêlo branco. Corajoso, inteligente e protetor, ele é um excelente cão de estimação, mesmo que ele tenha um caráter forte.

Patou ou cão de montanha dos Pirinéus

  • Tamanho: 65 cm a 80 cm
  • Peso: 50 kg a 64 kg
  • Cabelo: longo
  • Cor: branco, amarelo pálido
  • Expectativa de vida: 11 anos
  • Duração da gestação: 63 dias

Descrição e características do Patou

O Patou imediatamente faz pensar em "Belle", cão da famosa série dos anos sessenta "Belle et Sébastien". É sobretudo o seu corpo forte e o seu vestido branco, mesmo que outras cores sejam aceites para esta corrida, o que o torna um cão muito reconhecível. O Patou é um cão grande, majestoso e elegante. Sua pele, muito espessa, permite suportar condições climáticas e temperaturas extremas. Tem um focinho largo e comprido e olhos escuros muito expressivos.

Origem do cão da montanha dos Pyrenees

O Patou é um cão muito velho desde que apareceu na Idade Média. Originalmente dos Pirenéus centrais, ele sempre viveu em altitude. Por causa de seu tamanho imponente, foi usado até o final do século 19 para caçar ursos e proteger rebanhos de predadores. Ainda hoje é encontrado em seu papel como um cão pastor, especialmente nos Alpes com o retorno do lobo e nos Pirinéus após a reintrodução do urso. Patou foi oficialmente reconhecido em 1923.

O Patou é um cão muito velho desde que apareceu na Idade Média.

Caráter e comportamento de Patou - para quem é?

O Patou é bastante solitário e desconfia das pessoas que não conhece e dos outros animais. Ele é um excelente cão de guarda. No entanto, este não é um cão agressivo desde o momento em que ele foi educado estritamente. Por outro lado, ele é muito ligado ao seu mestre e muito carinhoso para com ele. É um cão corajoso que não foge do perigo. Por causa de seu tamanho imponente, o Patou se dirige a mestres capazes de lhe dar uma educação firme, controlá-lo e já ter experiência com cães. Um mestre de esportes também se encaixa bem considerando sua necessidade de exercício. Ou seja: o Patou late muito, característica que leva desde a origem do cão de guarda.

Como cuidar de seu cão de montanha dos Pirenéus: suas necessidades

O Patou é destinado a viver o máximo possível ao ar livre, no campo ou, melhor ainda, nas montanhas, em seu ambiente original. O ambiente urbano não combina com ele. Deve acima de tudo permitir-lhe ter um espaço onde possa trabalhar-se fisicamente e poder oferecer-lhe longas viagens diárias. No lado da manutenção, é um cão que requer cuidados regulares e especialmente durante o período de muda no final da primavera, em particular.

O Patou é destinado a viver o máximo possível ao ar livre

Dieta de Patou

O Patou requer uma dieta de qualidade, como todos os grandes cães em particular. Se ele tem um grande apetite, a ingestão de calorias e gorduras de sua dieta deve ser bem equilibrada para que ele possa se manter saudável. Sua comida deve ser adaptada à sua idade, saúde e exercício.

A saúde do cão da montanha dos Pirinéus

Patou é um cão robusto que não tem nenhum problema de saúde específico. No entanto, é importante monitorar o crescimento de seus ossos quando eles são pequenos. Como todos os cães de grande porte, pode de fato ser propenso a problemas com quadris e articulações.

Preço de um cachorro de montanha dos Pirinéus

O preço de um filhote de cachorro da montanha dos Pirinéus dependerá do sexo, do pedigree dos pais, da conformidade com os padrões da raça, etc.

  • Preço de um cão de montanha dos Pirinéus: 500 a 1 200 €
  • Preço de um cão de montanha dos Pirinéus: 500 a 1.200 €

Compartilhe Com Seus Amigos