Plantas Que Se Alimentam Umas Das Outras

Alho-poró e morangos

Estas duas culturas, ao contr√°rio dos feij√Ķes, n√£o fixam o nitrog√™nio em suas ra√≠zes. Mas o alho-porro mant√©m em torno deles uma microflora invis√≠vel, o que contribui para o desenvolvimento das ra√≠zes do morango. Este √© muito sens√≠vel a doen√ßas provenientes do solo, em particular a podrid√£o radicular, um cogumelo parasita. A proximidade do alho-por√≥ protege-o destes ataques, desde alternar as linhas ou usar o alho-por√≥ em "dam".

Outros casamentos felizes...

VIDEO: crie um hotpot de morangos e cebolinha

Vídeo de plantas companheiras: combine morangos e cebolinha em um hotpot

  • Alho plantado entre as fileiras de morangos, no final do inverno. Desenvolve-se antes dos morangos entrarem em produ√ß√£o. Evite a erva de alho, que, pelo contr√°rio, impede que os seus vizinhos cres√ßam, bem como as outras cruc√≠feras (rabanete, nabo...).
  • Morangos associados com todos os primos de alho-por√≥, como cebolas para comer en primeur, alho-por√≥ ou alho-porro perene...

Milho e feij√£o, dois amigos

Milho e feij√£o

Esse companheirismo, há muito praticado no sudoeste da França, já era usado na América do Sul, onde esses vegetais são originários. Eles foram então associados a um squash rastejando no chão. O feijão sobe no milho, nodosities das raízes do primeiro alimentando o segundo e enriquecendo o solo no outono. Quanto ao milho, fornece suporte para o feijão. Para esta associação dar bons resultados, semeie o milho primeiro, no início de abril, a cada 20 cm. Quando chega a 40 cm de altura no final de maio, semeie o feijão de escalada (uma variedade precoce) entre as plantas. Molhe copiosamente até o levantamento. Ajude os talos de feijão a envolver o milho, que entretanto começou a crescer.

Exemplo 2: Couves e feij√Ķes, compartilhamento de nitrog√™nio

Couves e Feij√Ķes

Este nutriente é essencial para o repolho de maçã, que é um vegetal de folhas. O feijão fixa o nitrogênio em suas raízes, em seu nome. Seu bairro não prejudica o repolho, que não é despojado deste elemento indispensável por seu companheiro. No final da temporada, o enterro de feijão após o hashing da pá enriquecerá ainda mais o solo com nitrogênio.

Outros casamentos felizes...

  • Todas as plantas da fam√≠lia do feij√£o: feij√Ķes, ervilhas, etc. Tome cuidado, no entanto, para colocar essas grandes culturas nas costas para que elas n√£o voem luz para repolho, que precisa de sol pleno.
  • Outros vegetais folhosos como p√™ras, saladas de inverno (ou chic√≥ria) e aipo

Exemplo 3: adubos verdes, um enfeite vegetal

Linho e papoula

Semear linho, papoula ou phacelia entre as fileiras de vegetais antes que eles se expandam durante a temporada. Quando estas plantas companheiras florescerem, corte-as e use-as como cobertura morta ao pé dos vegetais. Menos capina, menos rega, mais nutrientes para os vegetais, é um benefício de 100%! Este método funciona entre perenes que começam no final da temporada, como a ervilha australiana (Baptisia) ou anémonas japonesas.

VOCÊ SABIA?
Para vegetais muito gananciosos, nenhum vizinho

abóbora


Evite usar abóboras muito grandes como abóboras e abóboras com outros vegetais, pois eles precisam de mais recursos. Uma exceção: espargos! Faça uma pequena polpa de frutas no pé para evitar que o solo se torne gramíneo. Com o patidous ('Sweet Dumpling', por exemplo), o casamento é perfeito!

V√≠deo: ALIMENTANDO PLANTA CARN√ćVORA SELVAGEM ‚ėÜ PERIGOSO ‚ėÜ.

Compartilhe Com Seus Amigos