O Corvo (Corvus Corax): O P√°ssaro Preto E Barulhento

Da fam√≠lia corvid, o corvo, cujo nome verdadeiro √© o "Corvo" (Corvus corax) evoca por s√©culos desgra√ßa, tristeza e supersti√ß√£o. No entanto, √© um dos p√°ssaros mais inteligentes. √Č tamb√©m o maior passeriforme da Europa, muitas vezes confundido com o corvo.

O Corvo (Corvus corax): o p√°ssaro preto e barulhento

Como reconhecer um corvo?

O corvo √© um p√°ssaro grande com um corpo poderoso. √Č o maior dos corv√≠deos europeus. Ele tem uma plumagem de preto brilhante que tem reflexos iridescentes azul-claros e, para o macho, uma apar√™ncia de babados em sua garganta. Suas penas da barriga t√™m a distin√ß√£o de cair em suas pernas. Seu bico grande, na forma de um punhal ligeiramente curvado, √© preto, assim como seus olhos e suas enormes patas. As asas do corvo s√£o longas e pontudas e sua cauda √© quadrada.

O corvo √© reconhec√≠vel em voo com suas figuras de alto v√īo. Suas asas agitadas s√£o pequenas e r√≠gidas, intercaladas com v√īos flutuantes. Suas asas s√£o longas e estreitas e seu bico grande √© muito vis√≠vel em v√īo.

Gritando e corvo cantando

O corvo é conhecido por ser barulhento com seu rouco rouco e severo, especialmente quando voando, repetido 2 ou 3 vezes seguidas. O corvo croaks mas é capaz de emitir outros sons muito variados e até imitar os gritos de outras espécies de pássaros.

Corvo, ave do infort√ļnio?

O habitat do corvo

Presente em todo o hemisf√©rio norte, o corvo √© uma esp√©cie sedent√°ria. Ele √© cauteloso com a presen√ßa humana e prefere aninhar-se em regi√Ķes remotas, desde penhascos √† beira-mar at√© altas montanhas e pedreiras. Mas tamb√©m √© encontrado em √°reas urbanas, nos pr√©dios de nossas cidades.

Alimentação corvo

O corvo é um carniceiro e se alimenta principalmente de animais mortos. Mas também gosta de insetos, vermes, caracóis, roedores, rãs e sapos, pequenos mamíferos ou pássaros, além de sementes e frutas como, por exemplo, as cerejas. Nas cidades, sua comida também é composta de detritos alimentares humanos. O corvo se alimenta no chão e armazena sua comida.

Ninho e pequeno corvo

Reprodução do corvo

O corvo aninha de fevereiro a maio em grandes alturas, como fal√©sias, √°rvores muito grandes ou postes. O ninho, imponente, consiste de galhos forrados de grama, l√£ e l√≠quen. Ap√≥s um per√≠odo de incuba√ß√£o de 18 a 21 dias, a f√™mea coloca 3 a 7 ovos por embreagem (geralmente apenas uma desova por ano). Ao nascer, os filhotes s√£o alimentados por ambos os pais at√© que eles levantem v√īo ap√≥s 5 a 7 semanas.

O corvo √© √ļtil ou prejudicial ao jardim?

O corvo que encanta os frutos e brotos das √°rvores n√£o √© apreciado por aqueles que cultivam um pomar. O corvid tamb√©m est√° causando danos √†s planta√ß√Ķes de milho doce. E ent√£o, se voc√™ tem um galinheiro com algumas galinhas, tenha cuidado porque pode acontecer que em tempos de frio extremo, quando o corvo n√£o tem comida, ele ataca as galinhas que s√£o ent√£o evisceradas e perfuradas com buracos. E se o corvo avistou o ninho, n√£o vai parar de acess√°-lo para sair com um ovo no bico. Mas o corvo tamb√©m ajuda a livrar o jardim de vermes, insetos e outras pragas que fazem parte de sua dieta.

Vídeo: a voz dos corvos.

Compartilhe Com Seus Amigos