Tamanho Das Árvores Frutíferas: Quando E Como?

O tamanho das árvores frutíferas

Uma árvore frutífera é sempre muito popular em um jardim. É muitas vezes esquecido, mas a poda da sua árvore frutífera permite desfrutar de uma produção óptima e mais abundante de frutos. Além disso, isso limita o risco de infecção ou disseminação de uma doença. Este tipo de tamanho é para iluminar a árvore dos ramos mortos, mas também para equilibrar o peso das frutas futuras na árvore.

Quando podar árvores frutíferas?

O período de tamanho difere de acordo com se trata de frutas ou pedras pips. De fato, para esses dois grupos, a formação de botões não é a mesma. Portanto, é lógico que o crescimento das hastes também seja diferente.

Pipolas:

Neste tipo de árvore, os ramos podem dar frutos várias vezes (até duas ou três vezes). O tamanho deve ser antes que a seiva aumente, no período em que sua atividade é mínima, ou seja, durante o inverno. A escolha desse período permite melhor cicatrização da árvore.

Árvores de pedra:

Para este tipo de árvore, após a produção da fruta, os galhos tornam-se permanentemente estéreis. Um tamanho também pode ser praticado no inverno, mas indica que o risco de um ataque de parasita é então maior. As árvores de pedra, portanto, geralmente apreciam mais tamanho durante a colheita. Após a colheita, você pode limpar a árvore de certos ramos, uma vez que eles nunca darão frutos novamente.

Como podar árvores frutíferas?

Como em qualquer tamanho, faça uma limpeza preliminar removendo todos os galhos mortos ou danificados para sobreviver. Remova também qualquer fruta morta ou seca que não tenha caído do galho.

Em seguida, faça um desbaste para que o centro da árvore também se beneficie de sua dose de luz. Este passo é remover todos os galhos que apontam para dentro da árvore, manter apenas aqueles que estão voltados para fora e que irão mais facilmente encontrar os raios do sol.

Devemos também pensar em ressuscitar os galhos preservados para que eles saiam com ainda mais vigor. Corte suas extremidades para que a seiva se espalhe uniformemente nos ramos laterais. Dobrando estes galhos também permite, reduzindo seu comprimento, impedir que o fruto se forme no final do galho, geralmente frágil demais para suportar seu peso. Você deve sempre cortar um botão e limpar, para que a cura seja mais fácil.

Compartilhe Com Seus Amigos