O Que É Biodinâmica?

Além da jardinagem orgânica, é possível praticar a biodinâmica no jardim, aplicando os principais princípios deste método de cultivo, que é baseado em uma abordagem holística, ou seja, que considera que tudo está ligado, que o desenvolvimento de as plantas encontram um equilíbrio com o solo nutritivo e o meio ambiente. Obviamente, o respeito das fases da lua é um deles, mas também os preparativos destinados a regenerar a terra e fortalecer as plantas.

O que é biodinâmica?

A origem da biodinâmica

Na década de 1920, Rudolf Steiner, filósofo austríaco e fundador da antroposofia, enfatizou a ligação entre os seres vivos e os ritmos cósmicos, à medida que a planta crescia entre a terra e o céu. Posteriormente, outros pesquisadores, como Ehrenfried Pfeiffer, químico e agrônomo, e Maria Thun, pioneira do agricultor biodinâmico, ambos alemães, aprofundaram o reflexo. Embora os métodos experimentais não tenham comprovado a eficácia da prática, a biodinâmica permanece popular.

Os princípios da biodinâmica

Para fornecer uma dieta saudável para os homens, criar laços harmoniosos com a natureza é essencial, e meios biodinâmicos, para isso, tornar o solo e as plantas receptivos às influências do céu e da terra, que são numerosas. Desde então, três princípios fundamentais são essenciais para a biodinâmica:

Ritmos cósmicos e a influência da lua

Levando-se em conta a influência da lua e dos planetas na vida terrestre e especialmente no jardim, pretende-se dar às forças das plantas a possibilidade de serem mais resistentes a pragas e doenças. Isso envolve diferentes ritmos:

  • dias folha, raiz, fruto ou flor: quando a lua passa em frente às doze constelações do zodíaco, transmitirá à Terra a qualidade do elemento da constelação (terra, água, ar, fogo) diante do qual passa e assim ativar na planta a formação de folhas, raízes, frutos ou flores, conforme corresponda. Assim, o calendário lunar distingue esses ritmos de dias: folha, raiz, fruto ou flor,
  • lua crescente e lua descendente,
  • nós lunares,
  • apogeu e perigeu,
  • lua crescente e lua decrescente.

O sol desempenha um papel como outros planetas cujas configurações astronômicas também podem influenciar os vivos. Toda essa complexidade está bem resumida nos calendários lunares, que você tem apenas que seguir as indicações para intervir no jardim.

Preparações naturais

A aplicação de preparações biodinâmicas nas plantas de acordo com o calendário lunar deve permitir-lhes conhecer um crescimento saudável. Mas estas preparações são também destinadas ao solo, bem como ao composto para o qual as plantas são utilizadas tendo fermentado no solo. Eles estão classificados de 500 a 508:

estrume de vaca fermentado em chifres de vaca

  • 500, para espalhar no chão: esterco de vaca fermentado em chifres de vaca, para estimular o crescimento das raízes e a produção de húmus,
  • 501, pulverizado sobre as folhas: sílica em chifres de vacas enterradas por 6 meses no solo, para regular o crescimento, melhorar a qualidade de produção e aumentar a resistência a doenças,
  • 502, para composto: Yarrow (Achillea millefolium) para a mobilidade do enxofre e da potassa.
  • 503, para compostagem: camomila (Matricaria recutitapara o metabolismo do cálcio e para tornar os processos de nitrogênio regulares,
  • 504, para o composto: urtiga (Urtica dioica), em relação ao nitrogênio e ao ferro: promover a formação do húmus.
  • 505, para compostagem: carvalho (Quercus robur) aumenta a assimilação de cálcio e torna as plantas mais resistentes
  • 506, para composto: dente de leão (Taraxacum officinale) para ajudar a regular entre sílica e potássio,
  • 507, para o composto: valeriana (Valeriana officinalis) para a mobilidade do fósforo no solo e para proteger da geada,
  • 508, pulverizado sobre as folhas: cavalinhas (Equisetum arvense) para suprimir infecções fúngicas.

A organização da fazenda

Na biodinâmica, a noção de organismo é importante porque implica que a fazenda ou o jardim só podem ser compreendidos em todo o seu ecossistema: o homem coopera respeitosamente com a natureza (plantas e animais), e mais o jardim se torna No coração de um ambiente equilibrado, será mais saudável e mais resistente. Aqui estamos próximos do conceito de permacultura. Isto envolve a criação de sebes, a sementeira de canteiros de flores, o cultivo de adubos verdes, a prática de rotação de culturas, a escavação de um lago...

Qual é a diferença entre agricultura orgânica e biodinâmica?

A biodinâmica é um método de cultivo que não utiliza nenhum produto sintético: neste, está mais próximo da agricultura orgânica, mas difere em ir além de meras técnicas agrícolas. Além disso, incorpora rituais relacionados à lua, a aplicação de preparações naturais e uma abordagem que engloba elementos interativos e interdependentes: solos, animais selvagens e domésticos, microfauna, plantas cultivadas e selvagens, árvores, a água aponta e o homem.

Todos os produtos cultivados em biodinâmica são certificados pela AB. Então, para a biodinâmica, poderíamos falar de uma forma muito avançada de agricultura orgânica.

rótulos agrícolas biodinâmicos

Para concluir, os produtos da agricultura biodinâmica são certificados pela Demeter, o rótulo de referência, mas para atender às especificidades do cultivo de uvas e da vinificação, o selo Biodyvin foi criado. A fim de aprofundar o método biodinâmico, muitas informações estão disponíveis no Mouvement de l'Agriculture Bio-Dynamique (MABD), que é a organização de desenvolvimento biodinâmico na França, para agricultores e jardineiros, que reúne associações, produtores, consumidores e jardineiros.

Compartilhe Com Seus Amigos