Zero Pesticida Em Espaços Públicos Desde 1º De Janeiro De 2017

Zero pestcide

Não mais pesticidas devem ser usados ​​para manter espaços públicos, como parques, florestas, estradas, espaços verdes de todos os tipos, desde 1 de janeiro de 2017. Este objetivo "zero phyto" foi incluído na lei de transição energética para o crescimento verde.

Os prazos de "zero phyto"

O senador ecologista do Morbihan, Joël Labbé, elaborou um projeto de lei em 2014 para melhor regulamentar o uso de produtos fitossanitários no território nacional. A lei de transição energética para o crescimento verde estabeleceu prazos precisos: 1 de janeiro de 2017 para o Estado, autoridades locais e instituições públicas; 1º de janeiro de 2019 para indivíduos que não poderão mais comprar ou manter produtos de proteção de culturas não profissionais.

Muitas comunidades já haviam antecipado essa proibição, especialmente as cidades cujos serviços os espaços verdes se mobilizaram para encontrar uma saída para essa proibição com novas formas de trabalho: cobertura morta, introdução de predadores naturais, produtos usados ​​na agricultura orgânica... Todos os municípios também deve ir de lá.

Essa nova maneira de manter espaços verdes e jardinagem é promover e implantar o maior número de técnicas e sistemas eficientes e eficientes que se comprovaram em alguns pioneiros, agricultores, comunidades ou indivíduos... É também isso que nós tentamos transmitir em nosso site!

Escrito por Nathalie em 10/01/2017

Vídeo: Zeitgeist 3 Moving Forward (legendado).

Compartilhe Com Seus Amigos